sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Para pensar sobre meninos e meninas no Brasil


O QUE É SER MENINA NO BRASIL? – DESIGUALDADE DE GÊNERO DESDE A INFÂNCIA
[Postagem compartilhada no facebook, pela comunidade "O Roubo da Pitangueira". Acessado por nós no dia 23/01/2015.]




Desde que a entrada da mulher no mercado de trabalho se consolidou, nos acostumamos a ouvir a expressão “jornada dupla”. Ela serve para explicar que a mulher trabalha fora de casa e quando volta ainda tem que realizar todas as tarefas de casa, diferentemente dos homens que, em geral, assumem bem menos atividades no lar. O que revela uma pesquisa inédita realizada pela Plan, organização internacional que atua na defesa de direitos da criança, é que essa jornada dupla feminina, no Brasil, começa já na infância.

Intitulado “Por ser menina no Brasil: crescendo entre direitos e violências”, o estudo ouviu 1.771 meninas de 6 a 14 anos nas cinco regiões do país e constatou uma desigualdade gritante na distribuição de tarefas domésticas entre meninas e meninos. Para se ter uma ideia do tamanho desse abismo, 81,4% das meninas relataram que arrumam a própria cama, tarefa que só é executada por 11,6% dos irmãos meninos. 76,8% das meninas lavam a louça e 65,6% limpam a casa, enquanto apenas 12,5% dos irmãos lavam a louça e 11,4% limpam a casa. E a lista de atividades realizadas pelas meninas não para por aí, como mostra a tabela abaixo.

Os pesquisadores entrevistaram meninas matriculadas em escolas públicas e particulares, situadas no campo e na cidade. Assim, foi possível detectar a interferência de diferentes contextos sociais no cenário mapeado. Como exemplo, a pesquisa constatou que o trabalho doméstico das meninas é mais presente na zona rural (74,3% das meninas nas escolas rurais declararam limpar a casa) que no meio urbano (o percentual desce para 67,6% nas escolas públicas urbanas e para 46,6% nas escolas particulares urbanas).

Texto completo: [Via http://lab.oficinadeimagens.org.br/?p=4033]
[Esta reportagem foi publicada na quarta edição de Rolimã (página 36)]
Texto: Eliziane Lara
Fotografias: Bruno Vilela
Imagem: Oficina de Imagens

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Homenagem aos participantes do 6º Encontro da Canção Infantil

Em 2003, aconteceu em Belo Horizonte (Minas Gerais Brasil) o 6º Encontro da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha, com a coordenação geral do Eugênio Tadeu (que hoje coordena o Serelepe) e da Jussara Fernandino. O evento é bienal e a cada ano é recebido em um país diferente. Desde a fundação do MOCILYC - Movimento da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha, em 1993, o encontro já passou por Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, México, Uruguai e Venezuela.

Em 2005, foi feito um pequeno vídeo em homenagem aos artistas presentes no encontro de 2003, que agora compartilhamos no youtube. Um registro modesto, mas feito com muito carinho!

Feliz ano novo a todos! Que em 2015 possamos, mais uma vez, nos encontrar por aí, em meio a canções e brincadeiras! Até a próxima!



Breve registro do 6º Encontro da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha

Realização: Pandalelê: Laboratório de Brincadeiras- CP-EBAP/UFMG, Escola de Música da UFMG e Duo Rodapião.

Coordenação geral: Eugênio Tadeu e Jussara Fernandino.

Direção do vídeo: Cris Lima e Eugênio Tadeu.

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

No programa do Tutti Maravilha

Hoje participamos de uma rápida conversa no programa Bazar Maravilha, apresentado pelo Tutti Maravilha, da Rádio Inconfidência 100,9 FM. Falamos sobre a rádio, o grupo e sobre o nosso CD recém lançado, Locotoco.

Gabriel, Regis (o doidinho), Tutti, Cris e Tade [Foto: arquivo do grupo]

Selfie da gente no ar! [Foto: arquivo do grupo]


segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Serelepe concede entrevistas à Rádio Inconfidência

No dia 12/12/14 o Serelepe concedeu entrevista à Déborah Rajão, no quadro Revista Musical, dentro do Programa Revista da Tarde, na Rádio Inconfidência. Este programa vai ao ar de segunda a sexta, de 14h às 16h, na frequência AM 880.

Amanhã, dia 23/12, terça-feira, é a vez de participarmos do programa Bazar Maravilha, apresentado pelo irreverente Tutti Maravilha. O Bazar Maravilha vai ao ar de 14h às 16h, também de segunda a sexta, só que na frequência 100,9 FM. Nós estaremos por lá a partir das 14h30. Não percam! 

Dá pra ouvir também pela internet, de qualquer lugar do mundo (horário de Brasília), neste link: http://www.inconfidencia.com.br/

Tutti Maravilha, apresentador do Bazar Maravilha [Foto: O Tempo].
 
Serelepe e apresentadora Déborah Rajão - 12/12/14 [Foto: arquivo Serelepe]

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Em breve: inscrições abertas para bolsista de extensão do Serelepe

No período de 19/12/14 a 14/01/2015 estarão abertas as inscrições de candidatos a bolsistas do PBEXT-2015/PROEX, em 01 vaga, para atuação no Projeto de Extensão "Serelepe: uma pitada de música infantil". Poderão inscrever-se alunos regularmente matriculados no Curso de Graduação em Teatro, do Curso de Cinema de Animação e Artes Digitais e do Curso de Comunicação da UFMG. 

No ato da inscrição os candidatos deverão apresentar cópia dos seguintes documentos: Carteira de Identidade; CPF; Histórico Escolar atualizado; Currículo; Comprovante de matrícula na UFMG – 2º Semestre/2014 – emitido pela Seção de Ensino da Unidade Acadêmica onde estuda.

O candidato precisa ter disponibilidade para cumprir 20 horas semanais, acompanhando, inclusive a disciplina “Tópicos em Teatro A: Programa de Rádio Serelepe” (FTC 044), às quartas-feiras, de 8h50min às 12h.

Gentileza divulgar entre possíveis interessados!!

Clique na imagem para ler o edital completo!


terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Mania de Explicação em BH

Após temporada de sucesso em São Paulo e Rio de Janeiro, o espetáculo "Mania de Explicação" chega em BH. O musical infantil será apresentado nos dia 13 e 14 de dezembro, sábado ás 17h e domingo ás 11h no Grande Teatro do Sesc Palladium.

"Com o objetivo de despertar a sensibilidade e a curiosidade de enxergar a vida a partir de vários ângulos, o espetáculo é a porta de entrada de um mundo lúdico e cheio de questionamentos, onde as palavras e seus significados podem levar os espectadores a uma aventura filosófica impulsionada pelos sentimentos."


 A menina Isabel, do livro de Adriana Falcão é interpretada por Luana Piovanni em adaptação do diretor Gabriel Villela e trilha de Raul Seixas. O espetáculo conta ainda com direção musical de Ernani Maletta, professor da Escola de Belas Artes da UFMG.


Mania de Explicação


Espetáculo Mania de Explicação – Direção Gabriel Villela
Data: 13 e 14 de dezembro
Horário: sábado, 17h; domingo, 11h
Local: Grande Teatro do Sesc Palladium (rua Rio de Janeiro, 1046, Centro)
Duração: 60 minutos
Classificação: livre


Maiores informações no site do SESC Minas

Confira!

Cosiquiando

O cantor, compositor e multi-instrumentista Marioni Diego apresenta seu novo trabalho, o CD-Livro "Cosiquiando". Resultado de dois anos de pesquisas, Marioni propõe uma viagem pela música popular argentina ao lado de Sebastian Tello no piano, Eric Marteau, Daniel Soria e Miguel Rivaynera na guitarra, Piero Baigorria no baixo, animação e projeção de imagens de Stephen Loeschbor. 
Diego observa que o Cosiquiando, tanto o show quanto o disco, é projetado não só para as crianças, mas para toda família. A ideia é recuperar a transmissão oral da música argentina,.



Presentación de Cosiquiando en el Teatro del Libertador
de la ciudad de Córdoba, Argentina, el 19 de Octubre de 2014.

 Cosiquiando en Córdoba, Argentina.



Em fevereiro de 2015 será a vez de "Cosiquiando" tocar em terras brasileiras. O show acontecerá na cidade de Belo Horizonte, com a participação mais que especial da cantora Romina López.

Enquanto aguardamos mais informações, ficamos com uma música. Confira!


"Diablito del Carnaval" - Cosiquiando - Diego Marioni